O valor da moeda social no compartilhamento de conteúdo.

O valor da moeda social no compartilhamento de conteúdo.

As pessoas tem prazer em divulgar marcas que as deixam bem diante dos outros.

LIKE

É da natureza humana compartilhar experiências, opiniões, aquisições e conquistas, e isso se manifesta desde a infância, quando orgulhosamente mostramos nossos desenhos para os adultos. Até o surgimento das redes sociais estes compartilhamentos, em geral, estavam restritos ao grupo de pessoas com as quais nos relacionávamos diretamente.

Mas esta realidade mudou radicalmente e hoje para saber o que pensamos, do que gostamos, o que fazemos e até o que possuímos, basta acessar nossos perfis no Facebook, twitter, Linkedin e onde mais estivermos cadastrados.

E por que nos expomos tanto? Faz parte do desejo de obtermos aprovação e admiração junto às pessoas que fazem parte dos nossos relacionamentos e o compartilhamento acaba sendo a moeda com que pagamos esta aquisição: uma moeda social.

O fornecimento de valor para esta moeda social, leia-se conteúdo relevante, é uma grande oportunidade para as empresas ampliarem sua base de consumidores, que compartilharão estes conteúdos divulgando, mesmo que involuntariamente, a marca vinculada a eles.

Segundo Jonah Berger, autor do livro “Por que as coisas pegam “, as três formas de cunhar uma moeda social são:

Fazer as pessoas sentirem-se por dentro: O privilégio de ser o primeiro ou ter acesso a um produto ou serviço que não está disponível para todos constitui uma moeda social de grande valor. Afinal, quem não quer ser aquele cara descolado que sabe de tudo antes dos outros?

Encontrar uma notabilidade interna: O segredo aqui é pensar sobre o que torna um produto interessante, surpreendente ou original.  Ele pode fazer alguma coisa que ninguém pensou que fosse possível?  Uma fábrica de liquificadores conquistou compartilhamentos e vendas com vídeos em que seu produto triturava de bolinhas de gude a iphones.

Alavancar mecânica de jogo: Todos gostam de realizar coisas e ter evidências tangíveis do seu progresso. A mecânica de jogo ajuda a gerar moeda social, porque as pessoas gostam de exibir suas realizações, mas é ainda melhor se existe um símbolo tangível e visível que pode ser mostrado aos outros.

Compartilhe
0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BEAT
Conteúdo e Relacionamento

Ney da Gama Ahrends, 295/119
91450-345 - Porto Alegre - RS

Fones:
(51) 3517.9932
(51) 99249.2474

www.beatcr.com
leandro@beatcr.com

outubro 2018
S T Q Q S S D
« jul    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031