“O que pode ser medido pode ser melhorado” – Peter Drucker.

Uma das características do Marketing Digital é que ele é totalmente mensurável e todas as ações online podem ser medidas, atestadas e calculadas de acordo com o retorno obtido por cada iniciativa.

Diante de tantos dados disponíveis é de fundamental importância definir o KPI (Key Performance Indicator ou Indicador-chave de Performance) mais indicado para cada ação a ser monitorada. Com os KPIs corretos é possível avaliar os resultados de todas as etapas de uma estratégia de marketing digital em um período e frequência determinados.

A premissa básica é que os KPIS sejam relevantes para o objetivo  da empresa, já que indicadores errados provavelmente mostrarão performances erradas, comprometendo a avaliação da estratégia.

Características de um bom KPI:

  • Ter relação direta com o objetivo proposto: Os indicadores escolhidos devem mostrar claramente se as ações estão obtendo resultado. O número de curtidas em uma página não é tão relevante para o objetivo de aumento de vendas, por exemplo.
  • Ser de fácil compreensão e mensuração: Todos os envolvidos devem compreender de forma inequívoca os dados que os indicadores estão mostrando, sem margens para interpretações ambíguas.
  • Ser útil de forma contínua: Um bom KPI deve contribuir para a melhora continua da empresa, fornecendo informações que permitam o ajuste dos processos na busca dos seus objetivos.

KPIs x objetivos:

A utilização de indicadores totalmente desvinculados dos objetivos da empresa, além de comprometer a avaliação da estratégia de marketing digital, pode gerar frustração e questionamentos sobre a sua efetividade. Abaixo relacionamos alguns exemplos de KPIs relacionados com alguns objetivos possíveis de marketing digital:

  • Fidelização/Engajamento: Número de curtidas, compartilhamentos e comentários dos posts nas redes sociais, quantidade de páginas visitadas no site e taxa de rejeição destas páginas são KPIs válidas para este objetivo que está relacionado às interações do público com a empresa.
  • Reconhecimento de autoridade: Curtidas no Facebook, seguidores no Twitter e visitas no site ou no blog são indicadores que comprovam a presença da marca na mente das pessoas.
  • Conversões: Se o objetivo da empresa é gerar mais conversões e reduzir o custo por venda, podem ser utilizados os seguintes KPIs: número de leads gerados, tempo para a efetivação de uma venda, número total de vendas e custo de aquisição de clientes (CAC).
  • Presença / Cobertura: Neste caso, basicamente o que precisa ser respondido é a quantidade de pessoas que estão sendo alcançadas com nossos posts em redes sociais, artigos de um blog, views de  imagens no Instagram, vídeos no YouTube ou Vimeo, etc.
  • Captação: O monitoramento da captação nas redes sociais exigirá tags com valores reconhecidos pela ferramenta de análise web em todas as mensagens e campanhas. Desta forma é possível medir seus efeitos sobre o tráfego e suas conversões. Também é possível incluir um valor de referência financeira para a visualização de uma estimativa de ROI, tendo como base o custo médio por visita gerado por campanhas como o Google Adwords ou anúncios no Facebook por exemplo.
  • Retenção de clientes: A manutenção da proximidade do consumidor buscando garantir o sucesso e ampliar as chances de novas compras podem ser medidas através de indicadores como: Tickets de suporte e  Estimativa do Lifetime Value (valor gasto pelo cliente com a empresa no decorrer do ciclo de vida e de compra).
  • Geração de novos leads: A obtenção de dados através de troca por conteúdo relevante na forma de e-books, infográficos, etc pode ser monitorada com o levantamento do número de leads gerados e o custo por lead.
  • Aumento de vendas: Indicado para quem trabalha com e-commerce, as KPIs que indicam o sucesso da estratégia para aumento de vendas podem ser: número de vendas, custo por venda (no caso de links patrocinados, por exemplo) e taxa de conversão.

O inbound marketing  permite o rastreamento de um grande volume de dados que podem gerar relatórios volumosos a cada mês. Por isso é de grande importância saber o que rastrear, como refinar os relatórios analíticos e identificar os KPIs que são efetivamente relevantes. E, o mais importante, que comprovem o ROI e não somente a popularidade.

 

Compartilhe