Para envolver em uma narrativa, o principal elemento é o fator humano.
Histórias devem ser cativantes e protagonizadas por um personagem com experiências reais que tenham conexão com o público-alvo.

Para envolver em uma narrativa, o principal elemento é o fator humano.

Frequentemente a história de uma empresa é descrita em uma lista de fatos, que por si só não possuem apelo. Eles até podem ser inseridos de forma moderada na narrativa,…

Continuar lendo Para envolver em uma narrativa, o principal elemento é o fator humano.
O show tem que continuar.
A partir do momento que a música se tornou um arquivo volátil e fácilmente compartilhavel, os artistas precisaram se reinventar.

O show tem que continuar.

Durante todo o século XX o consumo de música esteve associado à alguma mídia, fosse um disco de vinil, uma fita K7 ou um CD. Ou seja, a engrenagem financeira…

Continuar lendo O show tem que continuar.
Design thinking cria valor e impulsiona o crescimento.
Um projeto que usa Design Thinking prefere o simples ao complexo, dá à estética o mesmo peso da funcionalidade, cria soluções elegantes e é focado na experiência do usuário.

Design thinking cria valor e impulsiona o crescimento.

Design Thinking é uma metodologia comumente utilizada por designers para abordar problemas complexos, através de um trabalho colaborativo que visualiza ângulos e perspectivas diversas para criar soluções inovadoras. Um projeto…

Continuar lendo Design thinking cria valor e impulsiona o crescimento.
Alternativas para os novos desafios da indústria de shopping centers.
Empreendimentos enfrentam cenário de incertezas na economia, consumidores exigentes e concorrência acirrada.

Alternativas para os novos desafios da indústria de shopping centers.

Empreendimentos enfrentam cenário de incertezas na economia, consumidores exigentes e concorrência acirrada. Mesmo em um período recessivo, a indústria de shopping centers no Brasil apresenta resultados positivos. Os mais de…

Continuar lendo Alternativas para os novos desafios da indústria de shopping centers.
O fim das divergências com os filtros-bolha.
Quem interage somente com quem concorda consigo, cai na ilusão de que a sua forma de pensar é predominante.

O fim das divergências com os filtros-bolha.

Quando interagimos somente com quem está de acordo com nossas opiniões, além de perdermos a chance de conviver com pensamentos divergentes, caímos na ilusão de que nossa forma de pensar…

Continuar lendo O fim das divergências com os filtros-bolha.